top of page
Logo_Abrapec2022.png
  • Foto do escritorabrapec

ABRAPEC apoia o Novembro Azul, campanha de conscientização sobre a prevenção de câncer de próstata


Novembro Azul é uma campanha idealizada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida que durante todo o mês de novembro, visa conscientizar os homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.


Neste ano de 2023, o Novembro Azul tem como mote “Por Trás do Bigode tem prevenção, cuidado, saúde e informação”. Com a transformação da sociedade em relação aos conceitos de masculinidade e o que é considerado “coisa de homem”, a campanha busca desmistificar o bigode e ressaltar o que está por trás dele e realmente importa: as mensagens de prevenção, cuidado, informação de qualidade, inclusão e saúde.


A ABRAPEC estará realizando em suas nove unidades de atendimentos localizadas nas cidades de São Paulo, Jundiaí, Salto, Atibaia, Ribeirão Preto, Jaboticabal, São João da Boa Vista, Taguatinga/DF e Campo Grande/MS, diversas atividades dentre elas, palestras informativas e preventivas em empresas, além de posts em suas redes sociais com o objetivo de levar informações sobre a prevenção do CA de Próstata o que mais leva os homens ao óbito.


O câncer é um fator de saúde pública mundial. De acordo com especialistas, o Sistema de Informação sobre Mortalidade e dos Registros de Câncer de Base Populacional estima que, para o triênio 2023-2025, são esperados 704 mil casos novos de câncer no Brasil. O câncer de próstata é um dos mais incidentes, com 71.730 mil casos novos, correspondendo a um risco estimado de 67,86 casos a cada 100 mil homens.


A sua detecção é feita por meio de exame de toque retal (exame de próstata). Os especialistas comentam que o exame é importante para detectar precocemente o aparecimento da doença, bem como problemas na próstata. Outro exame é a dosagem de antígeno prostático específico (PSA) feita por meio da coleta de sangue para medir os níveis de PSA, uma substância produzida pela próstata. Mas ressaltam que é importante que o médico observe, mesmo com os níveis elevados do PSA, a existência de outras condições benignas na próstata.

1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page